FMZ A Rádio
da Família

E choveu. Olha a lama que deu

•Por Leandro Fidelis

Chove e o problema é o mesmo: um trecho da Estrada Lavrinhas, toda asfaltada, fica intransitável com lama a um palmo de altura. Moradores, motoristas e praticantes de caminhadas pedem providências.

Domingo passado, a reportagem da FMZ fotografou o local. Carros e motos deslizam com facilidade no lamaçal. Um carro da Prefeitura de Venda Nova limpou a área, mas basta chover para a lama rescindir. Os moradores afirmam que a terra vem de um terreno aberto, abaixo do Residencial Bounganville.

O pedreiro Nelson Mistura está construindo sua casa na estrada. Ele já é morador do bairro e diz que os vizinhos estão fazendo um abaixo-assinado para encaminhar às autoridades. “Moro numa rua não calçada e não adiantou construir numa de asfalto. Saí do barro para vir para outro barro”.

Moradora há oito anos, a dona de casa Benedita da Silva, 63, fica ilhada toda vez que chove a ponto de não conseguir ir a casa da filha, a cerca de 4 metros. “Tenho que cancelar as caminhadas. Minha filha tira o chinelo para passar na lama se quiser ir à minha casa”, relata.

Já a estudante Lara Antoniazzi, 12, conta que tomar a estrada da matinha como atalho se quiser chegar ao Centro da cidade, o que não a deixa livre da lama. “Ainda bem que vou à escola de carro com meu pai. Às vezes tenho pago multa na locadora de vídeos porque não consigo sair de casa”.

De acordo com o secretário Municipal de Obras, Onécimo Falqueto, o problema em Lavrinhas acontece porque as caixas secas abertas recentemente não absorvem toda a água vinda do terreno. Disse ainda que o proprietário deve tomar providências.

Procurado por nossa reportagem, o proprietário Dalton Perim informou estar resolvendo junto à Prefeitura. Segundo Dalton, não é possível cercar a água oriunda do morro onde fica o Residencial Bounganville. “Para minimizar, instalamos várias caixas secas e a água está descendo pelas manilhas. Na próxima chuva, acredito que não haverá problemas”.

Ainda de acordo com o proprietário, ele estuda com a Secretaria de Obras a construção de bueiros sob o asfalto para a água pluvial descer para o rio. As obras devem começar em breve.

Confira mais Notícias

Expediente

Prefeitura de Venda Nova com novo horário de funcionamento em dezembro

Educação

Venda Nova divulga edital para vagas remanescentes em creches para 2024

Ambrósio Falquetto morre aos 103 anos em Venda Nova do Imigrante

CNH

Detran-ES alerta: prazo para regularização do exame toxicológico vai até 28 de dezembro

Treinamento

Servidores de Venda Nova participam de treinamento integrado para combate a incêndios

Calor

El Niño: pesquisadores preveem mais calor no Sudeste e Centro-Oeste

Ação Social

Venda Nova promove campanha de combate à violência contra a mulher

Loteria

Mega-Sena sorteia nesta terça-feira prêmio de R$ 9 milhões