FMZ A RÁDIO DA FAMÍLIA

Home Notícias Estradas

Estradas

08.01.2019


Cai o número de acidentes em rodovias federais no Espírito Santo em 2018

A maior redução foi no número de mortes, que caiu 34% de um ano para outro

 

 

 

Redação FMZ

jornalismofmz@gmail.com

 

 

O levantamento de 2018 da Polícia Rodoviária Federal- PRF no Espírito Santo mostrou que os acidentes com mortes em rodovias federais que cortam o Estado tiveram a maior redução em oito anos. De acordo com os dados, no ano passado, foram registrados 133 óbitos, uma redução de 34% em comparação a 2017. O número total de acidentes caiu 13% e o de feridos, 5%.

 

Esses são os melhores resultados desde 2010, quando a PRF instituição adotou novos sistemas para registro e acompanhamento das ocorrências de acidentes. Em Venda Nova do Imigrante, que é cortada pela BR 262, foram registrados 38 acidentes, com 49 feridos e nenhuma morte.

 

A BR 101, por sua extensão e volume, concentrou o maior número de ocorrências de trânsito. A via contabilizou 1.894 acidentes, com 101 mortos e 2.304 feridos. A BR 262, a segunda em importância no ES, teve 564 ocorrências, com 23 mortos e 410 feridos.

 

Todo levantamento da PRF/ES considera números absolutos, não levando em conta os aumentos da frota, da quantidade de condutores habilitados e da movimentação de pedestres e de ciclistas em perímetros urbanos cortados pelas rodovias federais.

 

Acidentes

 

Em 2018, ocorreram 2.618 acidentes em rodovias federais que resultaram na morte de 133 pessoas e em 3.257 feridos. Estes números são menores quando comparados a 2017, ano em que ocorreram 2.996 acidentes, que resultaram na morte de 201 pessoas e deixaram outros 3.427 feridos.

 

Causas

 

O fato que resultou na maior quantidade de acidentes, chamada causa presumível, foi a falta de atenção, apontada em 1.102 acidentes (42,1%) que levaram a óbito 33 pessoas (24,8%). A desobediência às normas de trânsito, como avançar sinal vermelho do semáforo, foi a segunda maior em quantidade de acidentes, correspondendo a 14,2% dos acidentes, seguido de velocidade incompatível, com 7,9%.

 

A falta de atenção do condutor e a velocidade incompatível são as causam que mais registram mortes nas rodovias federais do ES. A velocidade é, proporcionalmente ao número de ocorrências, a mais letal de todas, já que, em 207 registros, 23 pessoas morreram, 17,3% dos óbitos.

 

 

 

 

 

Comentários Facebook


 

 


Facebook


Twitter


Clima

(28) 3546-3068

radiofmz@radiofmz.com.br

 

Av. Ângelo Altoé, 886 - Ed. Esmig - Sala 01 - Centro - CEP - 29375-000 - Venda Nova do Imigrante (ES)


© 2017 Rádio FMZ. Todos os direitos reservados.