FMZ A RÁDIO DA FAMÍLIA

Home Notícias Cidades

Cidades

03.04.2019


Venda Nova publica edital para licitação de novo sistema de transporte coletivo

 

 

 

O transporte coletivo em Venda Nova do Imigrante está nas etapas finais do processo de regulamentação e concessão, que vai trazer mais segurança e qualidade no serviço aos cidadãos. Depois de vários estudos e ajustes na legislação, foi publicado  o edital de licitação das linhas que deverão ser atendidas.
 

No modelo de concessão utilizado, a empresa vencedora da licitação deverá prestar o serviço conforme regras de segurança, regularidade, eficiência, dentre outros critérios que agora são exigidos em leis elaboradas pela Prefeitura. Com isso, mais pessoas vão passar a utilizar o transporte eficiente e a contar com direitos que antes não tinham. 

 

Em uma entrevista gravada pela assessoria da Prefeitura de Venda Nova, o chefe de gabinete Frederico Rodrigues informa que o serviço será transferido para a iniciativa privada, no mesmo molde de outros serviços de concessão pública, como de água e esgoto e energia. 

 

"Tínhamos um modelo ultrapassado de execução. Algumas linhas eram exploradas por particulares, sem licitação. Era necessário intervenção do poder público para corrigir isso. Agora, vamos buscar um serviço que atenda a todas as localidades. Teremos uma grande concorrência. Além das linhas intermunicipais que já abastecem a cidade, vamos aumentar a oferta do serviço. 

 

Quanto ao preço das passagens, Rodrigues explica que a concorrência se dará a partir do preço médio. A empresa que oferecer o menor preço ganha. "Temos como baliza os preços que são cobrados pelas linhas intermunicipais, os valores serão daí pra baixo". 

 

Ele explica ainda que o  transporte gratuito em Venda Nova começou em janeiro de 2014, de forma experimental, e limitava-se a uma linha de ônibus. Em dezembro de 2016, o ônibus que fazia a linha São João de Viçosa a Venda Nova quebrou e o valor do conserto era maior do que o preço do veículo, o que inviabilizou a retomada do serviços. 

 

"Diante desse cenário o prefeito nos pediu para trabalhar no processo licitatório. Esse sistema que vamos adotar acaba também com a injustiça. Como só tinha uma linha do poder público gratuita, pessoas de outras localidades, como o trajeto Caxixe a Venda Nova, tinham que pagar. Preferimos esse procedimento porque agora todos poderão usar o serviço e pagar um preço justo", avalia. 

 

As linhas, já determinadas pela prefeitura, vão ser licitadas no dia 2 de maio, conforme regras do edital publicado. A empresa vencedora será a que oferecer o menor valor de tarifa por linha e que cumprir as regras determinadas. Todo o município está contemplado. Por isso, localidades mais distantes da Sede, como Camargo, São Roque e Caxixe terão que ser atendidas pela vencedora.

 

Com informações da Asscom/PMVNI

 

 

 

 

 

Comentários Facebook


 

 


Facebook


Twitter


Clima

(28) 3546-3068

radiofmz@radiofmz.com.br

 

Av. Ângelo Altoé, 886 - Ed. Esmig - Sala 01 - Centro - CEP - 29375-000 - Venda Nova do Imigrante (ES)


© 2017 Rádio FMZ. Todos os direitos reservados.