FMZ A RÁDIO DA FAMÍLIA

Home Notícias Polícia

Polícia

03.07.2020


Operação da PC é deflagrada em todo o Estado com foco no combate às organizações criminosas

Forças de segurança estão nas ruas desde as cinco e meia da manhã

 

 

 

 

Na manhã desta sexta-feira (02) foi deflagrada, em todo o Estado, a oitava fase da Operação Caim, planejada pela Superintendência de Polícia Especializada (SPE) da Polícia Civil.

 

A Operação Caim se tornou uma das principais ações integradas das forças de segurança do Espírito Santo e, a cada etapa, realiza importantes prisões e apreensões. O objetivo é direcionar esforços das unidades especializadas da Grande Vitória e do interior do Estado para a redução dos índices de criminalidade, principalmente o número de homicídios. 

 

O foco é o combate a organizações criminosas que atuam, principalmente, na Grande Vitória, o cumprimento de mandados de prisão e de busca e apreensão, e a prisão de homicidas e de traficantes.

 

As ações de cumprimento de mandados de prisão e de busca e apreensão são deflagradas em todo o Espírito Santo concomitantemente. Na Grande Vitória, a oitava edição da Operação Caim conta com cerca de 200 agentes de segurança pública, reunindo equipes da Polícia Civil, Companhia Independente de Missões Especiais (Cimpesp) da PMES, Força Nacional, Polícia Rodoviária Federal e Guardas Municipais, totalizando cerca de 200 agentes de segurança pública.

 

Estudos indicam que, no Espírito Santo, cerca de 80% dos crimes contra a vida são consequência do tráfico de drogas. Ao realizar operações como a Caim, a Secretaria de Segurança Pública (SESP) visa garantir bem estar aos moradores de regiões acometidas pela criminalidade, combatendo o tráfico de drogas, os homicídios e coibindo a prática criminosa.

 

O nome “Operação Caim” faz referência à história bíblica dos irmãos Caim e Abel, e remonta ao primeiro homicídio sobre o qual a sociedade teve conhecimento.


 
Histórico:
O total, até a sétima fase, é de 213 detenções, 47 armas, 1.285 munições, 11 veículos, drogas e mais de R$ 40 mil em dinheiro apreendidos. Em todo o Estado, 119 mandados judiciais foram cumpridos nas sete etapas.

 

Primeira fase - 02 de abril: nos municípios de Cariacica e Vila Velha, resultou na prisão de 15 suspeitos, dois adolescentes apreendidos, além de armas, munições e drogas. 


Segunda fase - 08 de abril: alcançou o resultado de 39 detenções em todo o Estado, apreensão de 10 armas, drogas e munições. 


Terceira fase - 17 de abril: resultou em 47 suspeitos detidos, dois adolescentes apreendidos, dez armas, 888 munições, entorpecentes, dois veículos e uma moto apreendidos. 


Quarta fase - 24 de abril: foram efetuadas 12 prisões de adultos e a apreensão de um adolescente, além de três armas, 125 munições, um simulacro de arma de fogo e drogas. 


Quinta fase - 08 de maio: ocorreram 43 prisões em todo o Estado, sendo 16 de suspeitos de homicídios. Foram cumpridos 34 mandados de busca e apreensão, que resultaram em apreensão de munições, drogas e dez armas, entre elas uma granada. 


Sexta fase – 21 de maio: 52 detenções foram realizadas, sendo 12 de homicidas. Durante o cumprimento de 32 mandados de busca e apreensão, as equipes apreenderam dez armas, munições, drogas, veículos e mais de R$ 5 mil em dinheiro.


Sétima fase – 08 de junho: 37 suspeitos foram detidos e um adolescente apreendido. Foram apreendidos 10 armas, 167 munições, R$ 5.556,00 em espécie, roupa camuflada, balança de precisão, entorpecentes e material para embalo.  

 

Com informações da Secretaria de Segurança do Espírito Santo.

 

 

 

 

 

Comentários Facebook


 

 


Facebook


Twitter


Clima

(28) 3546-3068

radiofmz@radiofmz.com.br

 

Av. Ângelo Altoé, 886 - Ed. Esmig - Sala 01 - Centro - CEP - 29375-000 - Venda Nova do Imigrante (ES)


© 2017 Rádio FMZ. Todos os direitos reservados.