FMZ A Rádio
da Família

1º Salão da Construção: arquitetura temática, outro atrativo turístico

* Por Leandro Fidelis

Ter uma cidade pronta para o turismo a partir da arquitetura temática de suas construções. Poder público e moradores se articulam para fazer esta idéia dar certo em Venda Nova. O novo Fórum é o primeiro de muitas obras no estilo arquitetônico da região italiana do Veneto que a cidade deve erguer nos próximos anos.

Isto foi conferido sábado na palestra com o arquiteto Diocélio Graceli, no encerramento do 1º Salão da Construção e 5ª Qualicafés, no Centro de Eventos. Autor do projeto da sede própria da Comarca, ele falou para um público de aproximadamente 50 pessoas.

Para o arquiteto, a cidade com uma arquitetura mais elaborada e remetendo à cultura local do imigrante vai atrair mais turistas. Enfim, deixar Venda Nova com obras mais bonitas, mesmo as já existentes, e menos “caixotes”. A exemplo de Campinho, Domingos Martins, onde os moradores valorizam o estilo germânico nas fachadas de suas casas.

“A idéia não é fazer uma cópia, mas unificar a linguagem arquitetônica da cidade para harmonizar a paisagem”, disse Graceli, ao sugerir que público e privado se unam para conscientizar os moradores.

Graceli propõe uma série de ações conjuntas que vão além da preocupação com a aparência externa dos imóveis em Venda Nova. São elas a criação do museu, restauro e preservação da arquitetura local e criação de rotas turísticas em fazendas e capelas. O palestrante sugeriu ainda firmar parceria com faculdades de arquitetura e promover um concurso de urbanismo.

Empresário do setor de construção civil, Tarcísio Falqueto já propõe aos clientes uma arquitetura nos padrões sugeridos por Graceli. “A gente deve valorizar a construção, inovando com uma arquitetura com referência às origens dos imigrantes italianos”.

O presidente da Câmara, Marco Grillo, destacou que o município vem incentivando propriedades do agroturismo a valorizarem seu patrimônio. “Tanto a Câmara quanto a Prefeitura estão buscando caminhos para viabilizar a iniciativa da arquitetura temática. O PDU, por exemplo, disciplina algumas linhas de construção no município”.

Investir em projetos arquitetônicos tendo em vista a função social das obras. É o que defende o juiz da Comarca, Valeriano Cesário Bolzan. “Estamos em um município que vive do agroturismo e temos que ter em mente que a beleza faz parte do ser humano. Foi o que fizemos com a sede do Fórum”.

Recursos a caminho para a “Rua de Lazer”

Durante a palestra sábado à tarde, o vereador Marco Grillo anunciou que a deputada federal Rose de Freitas- PMDB/ES encaminhou emenda para angariar recursos para a Rua de Lazer em Venda Nova. A idéia é transformar a Rua das Palmeiras, no centro, num espaço temático para receber os turistas. O valor da verba não foi divulgado.

Veja ainda neste site uma galeria de fotos da 5ª Qualicafés e do 1º Salão da Construção de Venda Nova

Confira mais Notícias

Napolitana

Pizzaria Vallino de Pedra Azul está entre as 50 melhores da América Latina

Atrativos para toda a família nas montanhas capixabas durante as férias

Escaladas ao topo do Forno Grande devem ser marcadas no portal Agenda ES

Turismo capixaba cresce e se destaca pela criação de novos empregos

Visitação ao Bosque das Cerejeiras em Pedra Azul é cancelada

RuralturES 2022 terá espaço para exposições ampliado em 40%

Roteiro Agroturismo, no Espírito Santo, é o último a ser validado pelo Ministério do Turismo

Espírito Santo tem quarto melhor crescimento no Índice de Atividades Turísticas