FMZ A Rádio
da Família

Caminhão tomba, pega fogo e deixa motorista ferido na BR 262

Um caminhão-baú frigorífico tombou na Rodovia BR-262 e pegou fogo em seguida, com o motorista preso às ferragens da cabine. A ação rápida de um grupo de caminhoneiros munidos de extintores de incêndio foi a salvação do condutor do caminhão Lúcio Ferreira de Oliveira, 28 anos.

Ele conduzia o caminhão-baú frigorífico placas HBC 4727, de São José de Rio Preto, São Paulo, transportando 12 toneladas de frango congelado, no valor de R$ 20,4 mil. A carne congelada seguia de Betim, Minas Gerais, para seis supermercados de Cariacica e Serra. O acidente aconteceu no quilômetro 29,9 da Rodovia BR-262.

O trecho onde a Polícia Rodoviária Federal (PRF) registrou o acidente é perigoso, com curvas fechadas e com alto índice de acidentes com vítimas fatais. O local é conhecido por Serra da Boa Vista, no distrito de Santa Isabel, Domingos Martins. O veículo apresentou um defeito no sistema de freio a ar, ficou desgovernado e tombou em alta velocidade.

O motorista notou a falha mecânica antecedendo o desastre e comunicou ao ajudante Milton Pereira da Silva, 33, que viajava ao lado dele na cabine. No tombo, ainda na pista asfáltica, o veículo se arrastou provocando arranhaduras profundas no piso asfáltico de pelo menos 30 metros, antes de cair com as rodas para cima num matagal, na margem esquerda da pista.

Quando o caminhão tombou o ajudante conseguiu de desvencilhar das ferragens da cabine, mas o motorista ficou preso. O socorro aos feridos foi imediato. Momentos após o acidente, um grupo de caminhoneiros que seguia nos dois sentidos da Rodovia BR-262 estacionou os caminhões e munidos de extintores de incêndio debelaram as chamas, que atingiam o caminhão e a vegetação onde o veículo parou.

A atitude providencial salvou a vida de Lúcio. Uma equipe do Corpo de Bombeiros da Região Serrana, que chegou logo após ao local, realizou o rescaldo para debelar alguns focos do incêndio ainda existentes, com fortes jatos de água. O motorista foi retirado com vida pelas equipes de resgate que trabalharam durante 43 minutos para cortar as ferragens com a utilização de equipamentos hidráulicos.

Ele foi transportado para o Hospital São Lucas, em Vitória. O ajudante foi atendido pelos médicos plantonistas Iran Azevedo e Josedir Silva, do Hospital Doutor Arthur Gerhardt e se encontra em observação. Além das equipes de bombeiros, policiais militares de Domingos Martins, estiveram no local para dar segurança.

O sargento Claudemar, do Corpo de Bombeiros, que estava no comando da operação de resgate, disse que as pernas do motorista estavam presas por ferragens e lataria. “Para remover o profissional com vida trabalhamos com cautela, utilizando equipamentos necessários e, por sorte, ele saiu conversando”.

Os policiais rodoviários Fernando e Pezzin, que registraram a ocorrência, ressaltaram que o local é muito perigoso, onde acontecem muitos acidentes. O trecho é o mesmo onde morreu o ex-jogador de futebol Campeão, vítima de uma colisão envolvendo a caminhonete que dirigia e um caminhão.

* Fonte: Folha Vitória

Confira mais Notícias

Definido calendário do IPVA 2024 para o Espírito Santo

Governo do Espírito Santo anuncia pagamento de abono salarial em dezembro

Procon-ES alerta quanto às armadilhas do verão

Secretaria Estadual de Educação realiza processo seletivo para Cuidador

Nova espécie de planta é descoberta no Espírito Santo

Novos pároco e vigário da Paróquia São Pedro tomam posse em Venda Nova

Transportadores de cargas têm até dia 31 de janeiro para se tornarem MEI Caminhoneiro

Parque Estadual do Forno Grande recebe exposição fotográfica `Aves de Caetés´