FMZ A Rádio
da Família

Choveu, chama o táxi

•Por Leandro Fidelis

Chove e quem precisa chegar ao trabalho e não tem carro resta chamar o táxi em Venda Nova. Muitos taxistas não dão conta de atender tantas solicitações, principalmente no início do dia.

É o caso de Sinésio Almeida Rohr. “Na parte da manhã a procura por corrida aumenta. Hoje (ontem) não tive como atender quem ligou para o meu celular”.

Embora cidade de pequeno porte, há trabalhadores que percorrem até 3,5 km de casa até a firma. Em dias de chuva, o táxi é o melhor transporte, garante a balconista Vera Pasinato.

“Os motoristas não respeitam. Passam sobre as poças e jogam água nos pedestres. Prefiro pagar R$ 5,00 a corrida de táxi”, diz ela, que mora na Vila da Mata e trabalha no Centro.

Confira mais Notícias

Feira de Negócios de Conceição do Castelo terá evento de lançamento nesta terça (25)

Detran-ES alerta para risco da mistura bebida e direção no aniversário da Lei Seca

Feira Espírito Madeira-Design de Origem 2024 em novembro

Enem 2024: inscrições prorrogadas até 14 de junho

Cidades

Venda Nova bate recorde de frio no ES pela terceira vez em uma semana

Cidades

Venda Nova realiza 1ª Feira de Empregos com mais de 50 oportunidades de trabalho

5º Concurso Municipal de Fotografia de Venda Nova está com inscrições abertas

Agronegócio

Favesu 2024: feira de avicultura e suinocultura capixaba no Polentão em Venda Nova