FMZ A Rádio
da Família

Diretor industrial é vítima de seqüestro relâmpago em VNI

Por Leandro Fidelis

Mais um seqüestro relâmpago em 2007 em Venda Nova. Na última sexta, o diretor administrativo de uma indústria de polpa de frutas em Alto Caxixe, Antônio Heloíso Guimarães Neto, 61, foi rendido por um homem na Vila Betânea e libertado minutos depois na Serra da Povoação, em Castelo.

A abordagem foi por volta das 20h30, próximo ao Bar Beira-Rio, na Avenida Lorenzo Zandonadi. Segundo informações da PM, Neto estava no seu Golf quando um homem alto, de pele branca e cabelos loiros anunciou o seqüestro armado.

Assim que foi abandonada, a vítima entrou em contato com os policiais. O seqüestrador fugiu com o carro, mas ainda não foi localizado.

Três são presos em tentativa de assalto

Ainda na sexta (16), três homens que estavam numa caminhonete F-4000 tentaram assaltar o motorista Anderson José Nogueira Filho na BR-262, na altura da comunidade Máximo Lorenção, Venda Nova. Anderson dirigia um caminhão carregado de cal com descarregamento previsto em Vargem Alta quando foi abordado pelos assaltantes. O trio chegou a disparar armas de fogo. De acordo com a polícia, o interesse dos bandidos era carga de café. Eles estão detidos na Delegacia de Venda Nova.

* Publicada em 19/03/2007

Confira mais Notícias

Polícia

Polícia Civil de Venda Nova descobre arsenal que alimentava tráfico de armas na região Sul do ES

Polícia Civil

PC de Marechal Floriano conclui caso de tentativa de homicídio de bebê de 1 mês

ES-166

Duas pessoas morrem após caminhão tombar na Pedro Cola em Venda Nova

Polícia

Polícia Civil de Muniz Freire prende indivíduo apontado como autor de diversos crimes

Polícia

Polícia Civil Venda Nova do Imigrante prende suspeito de tráfico de drogas

Polícia

PRF resgata 11 trabalhadores em condição análoga à de escravo em Rio Bananal

Polícia

Polícia Civil divulga lista atualizada dos procurados do município de Venda Nova

Polícia

Homem investigado por estupro de vulnerável é preso por posse ilegal de arma de fogo em Piúma