FMZ A Rádio
da Família

Festival celebra os 150 anos da Imigração Italiana no Brasil

Com foco nas histórias, produções artísticas, cultura e culinária italianas, acontece, entre esta sexta-feira (31) e domingo (02), o Festival da Cultura Italiana: “tudo começou aqui, Noi Siamo La Storia”, na Praça do Papa, em Vitória. O evento é gratuito e tem como principal objetivo promover um intercâmbio entre as colônias de italianos, seus descendentes e toda a população, além de reunir fabricantes que comercializam produtos típicos, como massas e vinhos.

Para a presidente da Comunità Italiana, entidade cultural que organiza o evento, Rosa Maioli, a ação representa não apenas a ponte entre as culturas italiana e capixaba, mas também mostra a importância de fortalecer as histórias do povo italiano, que fez do Espírito Santo sua segunda casa. “A nossa cultura, mesmo fora do nosso país de origem, segue viva e forte. Basta visitar as colônias italianas, que estão espalhadas pelo território capixaba, como Santa Teresa, Santa Leopoldina e Aracruz. Por isso, o festival irá reunir toda a vivência e história dos italianos e seus descendentes, que permanecem aqui no Espírito Santo até os dias de hoje”, afirma.

O evento conta com o apoio do Arquivo Público do Estado do Espírito Santo (APEES), Secretaria da Cultura (Secult), do Ministério da Cultura (Minc), entre outras entidades.

As principais atrações

O Festival contará com três palcos: o “Espaço Vi e Vivi”, o “Palco Coliseu” e o “Palco Torre de Pisa”. Nesses palcos, ocorrerão diversas atrações para rememorar a alegria e o clima festivo dos italianos, como a pisa da uva, que representa a tradição de como o vinho era produzido antigamente, além da apresentação de corais, bandas, mini campo de bocha livre, cortejos com danças e roupas típicas, mini tombo da polenta, teatro e apresentações com grupos folclóricos das colônias italianas de várias partes do Estado.

Os italianos em terras capixabas

Na década de 1850, Pietro Tabacchi, por motivações políticas, emigrou do Trento para o Espírito Santo, onde adquiriu uma propriedade em Santa Cruz, Aracruz, a “Fazenda das Palmas”. Em 1874, chegou no Espírito Santo a Expedição Tabacchi e inaugurou a emigração em massa de italianos para o Brasil. O navio La Sofia partiu em 03 de janeiro do Porto de Gênova e chegou em 17 de fevereiro, pela manhã, na Baía de Vitória, em uma viagem de 25 dias. Quatro dias depois, ocorreu o desembarque no Porto de Vitória. Dos 388 camponeses da Expedição Tabacchi, 145 permaneceram no Espírito Santo e os outros 240 pediram transferência para outras províncias do Brasil.

Sendo assim, o Estado passou a ser considerado o berço da imigração italiana. Dos mais de 48 mil imigrantes que aqui chegaram, 75% deles eram italianos, segundo dados do “Projeto Imigrantes Espírito Santo”, do APEES. “É importante destacar que a presença italiana é vista de norte a sul do Espírito Santo, com protagonismo em áreas do setor econômico-produtivo. Ela também é percebida nas manifestações culturais, religiosas, costumes e transmissão dos saberes”, explica o diretor-geral do Arquivo Público do Estado do Espírito Santo, Cilmar Franceschetto.

Serviço:

Festival da Cultura Italiana: “tudo começou aqui, Noi Siamo La Storia”

Local: Praça do Papa – Vitória.

Sexta-feira (31): 16h às 22h

Sábado (01): 10h às 22h

Domingo (02): 10h às 18h

A programação completa pode ser acessada no link: https://comunitaes.org.br/confira-a-programacao-do-festival-da-cultura-italiana-em-vitoria-de-31-de-maio-a-2-de-junho/.

Com informações do Governo do ES.

Confira mais Notícias

Seis jovens concorrem ao título de rainha da Festa do Morango

Fenecon 2024 começa nesta quinta-feira (18) em Conceição do Castelo

Candidatas a Rainha e Princesas da Festa da Polenta são apresentadas

Cultura

Livro “As Grandes Migrações do Norte da Itália ao Brasil” será lançado na Festa da Polenta em Venda Nova

Imóvel do Colégio Salesiano será revitalizado e abrigará a sede da Secretaria de Educação de Venda Nova

Cultura

Fames vai ofertar 60 bolsas para oficinas no Festival de Inverno de Domingos Martins

Cultura

Venda Nova celebra o padroeiro São Pedro Apóstolo neste fim de semana

Venda Nova do Imigrante participa de intercâmbio em Festa da Polenta na Itália