FMZ A Rádio
da Família

Vice-líder do Governo na Câmara defendeu aprovação de R$ 27,9 bilhões para aumentar auxílios sociais

 

A Câmara dos Deputados aprovou sem mudanças, na última terça-feira (08), a Medida Provisória 1130/2022, que abre crédito extraordinário adicional no valor de R$ 27,9 bilhões no Orçamento deste ano, para pagamento dos benefícios sociais previstos na Emenda Constitucional 123. Com o aval dos deputados, a MP – que seguirá agora para apreciação e votação no Senado – cumpre o objetivo de reforçar a dotação orçamentária do Ministério da Cidadania para garantir um acréscimo de R$ 200 no valor do Auxílio Brasil (R$ 25,5 bilhões) e o aumento do Auxílio Gás (R$ 1,04 bilhão).

 

“A aprovação da MP 1130/22, além de potencializar os efeitos da Emenda Constitucional 123, também destina mais R$ 500 milhões ao ‘Alimenta Brasil’, programa que garante amparo às pessoas atendidas pela rede socioassistencial do Governo, por meio da aquisição e distribuição de alimentos da agricultura familiar”, explicou o vice-líder do Governo na Câmara, deputado Evair de Melo.

 

Evair ressalta que a aprovação da MP 1130 possibilita segurança alimentar e nutricional às famílias brasileiras que mais precisam de amparo do poder público e ainda destina recursos para o financiamento, até dezembro, de outros programas sociais incluídos na Emenda Constitucional 123.

 

“A política social robusta que o Governo Bolsonaro implementou no Brasil se reveste de elevada importância para o atendimento às famílias em situação de pobreza – e extrema pobreza –, que tiveram suas condições de vida deterioradas após os impactos econômicos ocorridos em consequência da Pandemia de Covid-19. Só o programa Auxílio Brasil atende, hoje, a mais de 21 milhões de famílias em todo o país e, no Espírito Santo, já beneficia 176 mil famílias. Ou seja, 51 mil beneficiários a mais do que o Bolsa Família”, concluiu o parlamentar. 

Confira mais Notícias

Política

Situação eleitoral está irregular? Veja como resolver e participar das Eleições 2024

Política

Prefeitura de Venda Nova pede que Câmara Municipal desocupe espaço cedido em 60 dias

Finanças

Tribunal de Contas aprova sem ressalvas as contas de 2022 da Prefeitura de Venda Nova

Política

Vereadora suplente Lucielza do Nascimento Chieza toma posse na Câmara de Venda Nova

Política

Câmara aprova reajuste de R$ 100 no auxílio-alimentação de servidores de Venda Nova

Vereador Erivelto Uliana é o novo presidente da Câmara de Venda Nova do Imigrante

Veja os números do 2º turno das eleições em Venda Nova do Imigrante

Com 53,80%, Renato Casagrande é reeleito governador do ES